A importância da pesquisa e utilização de Palavras-Chave relevantes é indiscutível.

A palavra-chave funciona como uma espécie de filtro, para que uma pesquisa seja iniciada.

Só que a pesquisa com um termo de “cauda curta” vai resultar num grande volume de resultados com muita chance de não corresponder ao objetivo do pesquisador.

Confira abaixo as características de cada tipo de palavra-chave.

Cauda Curta ou Cauda Longa?

Cauda Curta (Head Tail) ou Cauda Longa (Long Tail) são conceitos cunhados pelo físico americano Chris Anderson em 2006.

Ele utilizou uma analogia com o corpo de um dinossauro.

As palavras-chave do tipo Head Tail são curtas (apenas 1 ou 2 termos), mais genéricas e com alto volume de buscas. Portanto, com alta popularidade e competitividade.

Um bom exemplo de Head Tail seria a palavra-chave “Tênis”.

Essa é uma palavra-chave genérica com mais de 100 milhões de resultados. E pode se referir, por exemplo, tanto ao calçado quantos aos esportes (é difícil inferir qual é a intenção desta pesquisa).

Já uma palavra do tipo Long Tail geralmente apresenta mais de 3 termos, o que ajuda muito a imaginar a intenção de busca. Por exemplo: “tênis nike corrida vermelho feminino 36”.

Essa segunda busca resulta em 2 milhões e meio de resultados (menor competitividade) e além de esclarecer que se trata do calçado, ao especificar marca, cor, gênero e tamanho, já dá fortes indícios de intenção de compra.

Benefícios de utilizar Palavras-Chave de Cauda Longa

Utilizar palavras-chave de cauda longa otimiza os esforços de produção de conteúdo.

Você conseguirá atrair o público correto e qualificado para os seus conteúdos, o que potencializa a conversão desejada.

Irá trabalhar com uma competitividade menor, o que aumenta as chances de ranquear (melhorar a posição) do seu resultado nos buscadores, como o Google.

Isso não significa que você não deva otimizar um termo genérico. Mas é mais difícil posicionar um termo genérico.

E também irá diminuir a taxa de rejeição do seu site (que acontece quando um site é carregado e fechado sem navegação).

Essa rejeição fatalmente aconteceria, retomando o exemplo anterior, caso eu tivesse interesse em saber mais sobre a prática do “tênis de mesa” (o esporte) e acabasse sendo levada a um ecommerce de “tênis” (o calçado).